Cantares da aldeia

ALVITO DA BEIRA

É uma terra pequenina
Com ribeirinha, mas sem mar.
No distrito de Castelo Branco,
No mapa vais encontrar.

O seu nome é Alvito da Beira
E reza a velha tradição,
Que se escondiam raparigas
No tempo da invasão.

Tem gente sorridente,
Com muitas memórias.
E se te sentares um bocadinho
Contam-te muitas histórias.

Esta é a minha terra
Que está no meu coração,
Com brincadeiras e aventuras
Que guardo com paixão…

(Maria Pelote, Alvito da Beira, Abril 2001)

Toda a gente se conhece.
Não tem nada que enganar!
E se visitares a terra,
Traz um amigo para te acompanhar.

Tem meninos e meninas
E uma linda ribeira também.
E no verão, dizem:
-Ir para a ribeira convém.

Fonte: Livro: Memórias do Alvito da Beira; Revisitar as raízes, os costumes, e a formosura dos afetos de Luisete Ribeiro Pinho Silva e Cunha
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s